Agência da Notícia

Mato Grosso

Agência da Notícia, Domingo 25 de Outubro de 2020

1 5
:
4 5
:
4 2

Últimas Noticias

Notícias / Agronegócio

9 Jul 2014 - 07:45

Desoneração na folha de pagamento faz com que m² seja 6,12% mais barato

No Brasil o m² em junho ficou em R$ 891,73 com a desoneração na folha de pagamento e R$ 953,56 sem a desoneração.

Agência da Notícia com Agro Olhar

 Se o governo federal há cerca de um ano não tivesse instituído a desoneração na folha de pagamento do setor da construção civil o metro quadrado (m²) em Mato Grosso seria em média de R$ 949,33. Com a desoneração o custo médio é de R$ 891,17, ou seja, 6,12% menor. Os valores referem-se ao mês de junho e fazem parte do Índice Nacional da Construção Civil (Sinapi), divulgado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Considerando a desoneração na folha de pagamento, o custo do m² subiu 0,13% em junho no comparativo com maio e 0,84% na variação anual. Verificando o desempenho nos últimos 12 meses estabilidade, segundo o IBGE.

Contudo, se o governo não tivesse tomado tal medida para "ajudar" o setor da construção civil o aumento nos 12 meses teria sido de 6,52% e o custo médio do m² seria de R$ 921,97.

A desoneração na folha de pagamento foi sancionada em 19 de julho de 2013 na Lei 12.844.

Considerando a desoneração, o Estado com a maior alta no custo médio do m² na variação mensal foi o Espírito Santo com 3,82% de alta, seguido do Mato Grosso do Sul (3,59%), Tocantins (3,23%) e Santa Catarina (2,99%). Estes aumentos são decorrentes ao reajuste salarial da categoria. Historicamente em Mato Grosso a pesquisa aponta alta no valor do m² em julho ou agosto.

O custo apontado na pesquisa refere-se apenas a mão de obra e a cesta básica de materiais para a construção.

No Brasil o m² em junho ficou em R$ 891,73 com a desoneração na folha de pagamento e R$ 953,56 sem a desoneração.

Comentários no Facebook

Comentários no Site

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião da Agência da Notícia. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agência da Notícia poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.
Comentários com mais de 1300 caracteres serão cortados no limite.

 
Sitevip Internet