Agência da Notícia

Mato Grosso

Agência da Notícia, Segunda-feira 16 de Maio de 2022

2 2
:
1 3
:
1 9

Últimas Noticias

Enquete

Eleições 2022: Quantos deputados Estaduais e Federais o Araguaia deve eleger? Deixe seu comentário!

Notícias / Agronegócio

1 Abr 2014 - 15:39

Exportação por Paranaguá cresce em fevereiro, enquanto cai no Porto de Santos

Enquanto o Porto de Paranaguá apresentou no período salto de 2,5 mil toneladas para 3,3 mil toneladas

Agro Olhar

 Mato Grosso exportou no primeiro bimestre de 2014 um volume de 27,5 mil toneladas (t) de pluma de algodão, dos quais 20,9 mil t tiveram o Porto de Santos como seu principal ponto de partida para o exterior. Entretanto, ao se analisar a variação mensal, no mês de fevereiro o destaque foi o Porto de Paranaguá (PR) que apresentou alta 30,2% nos embarques frente a janeiro, enquanto o porto paulista registrou decréscimo em decorrência a intensidade dos envios de soja.

No mês de janeiro foram enviados pelo Porto de Santos 10,9 mil toneladas de pluma de algodão e em fevereiro 9,9 mil toneladas, segundo dados da Secretaria de Comércio Exterior (Secex). Enquanto o Porto de Paranaguá apresentou no período salto de 2,5 mil toneladas para 3,3 mil toneladas.

Conforme o boletim semanal do Instituto Mato-grossense de Economia Agropecuária (Imea), o Porto de Santos segue a tendência de porto mais utilizado para a exportação agropecuária de Mato Grosso. A entidade explica que em fevereiro os envios por Paranaguá tiveram tamanho crescimento tendo-se em vista a quantidade dos embarques da soja no Porto de Santos.

“Isso ocorreu pois a movimentação de navios no porto de Santos foi extremamente intensa devido à alta quantidade de soja que passou por ele. Assim, parte da pluma destinada à exportação foi direcionada ao porto do Paraná, que possui maior capacidade de armazenamento do que os outros dois que recebem a fibra no Brasil”, diz o Imea.

Comentários no Facebook

Comentários no Site

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião da Agência da Notícia. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agência da Notícia poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.
Comentários com mais de 1300 caracteres serão cortados no limite.

 
Sitevip Internet