Agência da Notícia

Mato Grosso

Agência da Notícia, Terça-feira 1 de Dezembro de 2020

1 8
:
4 2
:
3 1

Últimas Noticias

Notícias / Agronegócio

31 Jul 2014 - 08:04

Mapa quer que MT chegue a 1 milhão ha de trigo; Cooperativas são alternativas

Uma das alternativas para o crescimento da produção e área do trigo em Mato Grosso são as cooperativas.

Agência da Notícia com Agro Olhar

 Mato Grosso semeia hoje 70 mil hectares de trigo, contudo o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) estabeleceu uma meta para que tal área atinja a marca de 1 milhão de hectares. A meta para os próximos anos foi apontada durante a reunião da Câmara Técnica do Trigo realizado no dia 24 de julho.

A Câmara Técnica do Trigo, vinculada ao Conselho de Desenvolvimento Agrícola (CDA), foi criada pela Constituição Estadual por meio da Secretaria de Desenvolvimento Rural e Agricultura Familiar (Sedraf-MT).

Diante dos 8,3 milhões de hectares de soja e 3,2 milhões de hectares de milho a área destinada ao trigo é bem irrisória, até mesmo frente aos cerca de 582 mil hectares destinados ao algodão nesta safra 2013/2014.

Presente na reunião o secretário de Política Agrícola do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Seneri Paludo, se comprometeu em dar encaminhamento à Companhia Nacional do Abastecimento (Conab) para que um levantamento do preço mínimo de produção para o trigo seja feito em Mato Grosso e que tais informações sejam repassadas ao Mapa e ao Ministério da Fazenda. As estimativas são de que todo este processo de levantamento de informações e de preço mínimo demorem de seis a oito meses. Somente após estar com tais dados em mãos será possível partir para o próximo passo que é a aquisição do trigo pelo governo federal. “Mato Grosso tem condições passar dos 70 mil hectares para 1 milhão de hectares de trigo”.

Conforme o secretário da Sefraf-MT, Luiz Carlos Alécio, a presença de trigo em meio as lavouras de Mato Grosso já é realidade e a Embrapa tem tido papel fundamental na expansão da cultura através de pesquisas. "O trigo será uma grande alternativa para rotação de cultura, quebrando o ciclo de pragas", salienta Alécio.

Uma das alternativas para o crescimento da produção e área do trigo em Mato Grosso são as cooperativas. "O cooperativismo está totalmente envolvido nesse processo do trigo e não vejo alternativa para o crescimento de produção sem passar pelas cooperativas", comenta o presidente do Sistema OCB/MT, Onofre Cezário de Souza Filho.

Quem também acredita no potencial da cultura através das cooperativas é o coordenador da Câmara Técnica do Trigo e pesquisador da Empaer, Hortêncio Paro, principalmente no que diz respeito à construção dos moinhos

Comentários no Facebook

Comentários no Site

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião da Agência da Notícia. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agência da Notícia poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.
Comentários com mais de 1300 caracteres serão cortados no limite.

 
Sitevip Internet