Agência da Notícia

Mato Grosso

Agência da Notícia, Sábado 5 de Dezembro de 2020

0 3
:
0 4
:
5 8

Últimas Noticias

Notícias / Agronegócio

2 Ago 2014 - 08:11

México aceita em habilitar outras 26 plantas e vai ampliar importação de frango em 2014

Atualmente, a importação de frango do México está na ordem de 150% de imposto, mas por conta dessa necessidade

Agência da Notícia com Agro Olhar

 Autoridades sanitárias do México aceitaram a proposta brasileira de habilitar 26 plantas de produção de frango, o que ampliará as importações de carne do Brasil. O acordo foi costurado após visita de representantes da Secretaria de Relações Internacionais (SRI) do Ministério da Agricultura (Mapa) às autoridades mexicanas entre os dias 27 e 29 de julho.

De acordo com o secretário de Relações Internacionais do Agronegócio, Marcelo Junqueira, cinco plantas foram habilitadas no ano passado. Entre janeiro e junho de 2014 foram exportados cerca de US$ 12,9 milhões ao país latino.

Segundo ele, o Brasil já exportou este ano cinco mil toneladas de carnes de aves e a expectativa é fechar o ano em torno de 20 mil toneladas.

“Agora queremos que eles aprovem um leque maior de plantas que, segundo o serviço fitossanitário brasileiro, estão aptas a exportar, de acordo com padrão mexicano”, afirmou ao lembrar que será definida nos próximos dias a data da visita de técnicos mexicanos para conhecer as instalações brasileiras..

Recentemente o México teve problema de gripe aviária, o que causou problema de abastecimento interno significativo ao país.

“Atualmente, a importação de frango do México está na ordem de 150% de imposto, mas por conta dessa necessidade, o México isentou uma cota de importação de carnes de aves na ordem de 300 mil toneladas com tarifa zero para fora do Nafta (bloco econômico formado por Estados Unidos, Canadá e México)”, acrescentou o secretário.

Comentários no Facebook

Comentários no Site

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião da Agência da Notícia. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agência da Notícia poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.
Comentários com mais de 1300 caracteres serão cortados no limite.

 
Sitevip Internet