Agência da Notícia

Mato Grosso

Agência da Notícia, Domingo 11 de Abril de 2021

0 4
:
2 1
:
5 7

Últimas Noticias

Notícias / Judiciário

9 Mai 2019 - 10:50

Presidente do STF muda entendimento sobre direito da AL “soltar” deputados

Olhar Direto

Rosinei Coutinho/SCO/STF

 (Crédito: Rosinei Coutinho/SCO/STF)
O Supremo Tribunal Federal (STF) negou nesta quarta-feira (8) medida cautelar em Ação Direta de Constitucionalidade (ADI) que poderia restabelecer a prisão preventiva do ex-deputado Gilmar Fabris. A decisão foi proferida por maioria, seis votos contra cinco, garantindo que as Assembleia Legislativas podem “estender” o direito da Câmara e Senado de soltar parlamentares presos (salvo em flagrante de crime inafiançável). O presidente Dias Toffoli foi quem votou para desempatar. Ele, no entanto, apresentou entendimento diferente do exarado em 2017. Na ocasião, antes de se tornar presidente do Supremo, o ministro votou em sentido oposto, junto com Edson Fachin, Rosa Weber, Luiz Fux  e Cármen Lúcia. Hoje, acompanhou Marco Aurélio, Alexandre de Moraes, Gilmar Mendes, Celso de Mello e Ricardo Lewandowski.

Comentários no Facebook

Comentários no Site

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião da Agência da Notícia. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agência da Notícia poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.
Comentários com mais de 1300 caracteres serão cortados no limite.

 
Sitevip Internet