Agência da Notícia

Mato Grosso

Agência da Notícia, Segunda-feira 17 de Janeiro de 2022

0 5
:
5 1
:
1 4

Últimas Noticias

Notícias / Política

9 Set 2014 - 09:00

Criada há um ano, Agem não executa projetos e custa R$ 1,4 mi ao erário

Orçamento foi apenas para folha de pagamento de 12 servidores

Agência da Notícia com Mídia News

 Após um ano de criação, a Agência de Desenvolvimento Metropolitano (Agem) ainda tem atuação tímida em Cuiabá, Várzea Grande, Santo Antônio do Leverger e Nossa Senhora do Livramento. A entidade, que surgiu com a finalidade de integrar ações ligadas a diversos setores entre os municípios da região metropolitana mais tem servido como cabide de empregos do que colocado em prática projetos prometidos.

Isso porque o orçamento destinado à pasta neste ano, em R$ 1,4 milhão, foi aplicado apenas na folha de pagamento de 12 servidores, além da compra de móveis e equipamentos para a sede. Os salários vão de R$ 1,7 mil a R$ 9,3 mil, do presidente da AGEM, Benedito Pinto da Silva, o Dito Pinto.

Ele explica que embora a Agência tenha sido criada em setembro de 2013, somente neste ano começou a funcionar efetivamente. As ações, no entanto, estão comprometidas devido à falta de recursos. “Já sabíamos que teríamos dificuldades neste ano, por ser o último da gestão. Desta forma, não tivemos suplementação no orçamento”, justifica.

A Agem foi criada para atuar nas áreas de desenvolvimento econômico e social, planejamento, uso e ocupação dos solos, acessibilidade e mobilidade, saneamento, preservação e conservação do meio ambiente, e desenvolvimento urbano e político setoriais (habitação, educação, saúde, esporte, lazer, segurança, turismo), de forma que não interfira na autonomia administrativa das cidades.

Neste sentido, os principais projetos são a criação do Plano Diretor Integrado, a destinação dos resíduos sólidos dos municípios para um aterro sanitário, que deverá ser construído no ano que vem, e a integração do transporte na região metropolitana. De acordo com Dito Pinto, a intenção, de imediato, é definir onde será o aterro, e elaborar o funcionamento do transporte público para quando o VLT começar a operar juntamente com os ônibus.

“Estamos sentando com os prefeitos para passar um estudo feito pela Secopa sobre isso e também as empresas que operam o sistema em Cuiabá. O VLT será abastecido pelas linhas que já atendem a população. Vamos discutir também sobre os valores que serão cobrados pelas passagens”, afirma.

Para executar as ações, o presidente comenta que será necessário orçamento em torno de R$ 9 milhões, em 2015. “Muitas coisas não foram definidas ainda por conta de orçamento”, diz. Ele conta ainda que até tentou conversar com o governador Silval Barbosa (PMDB) para conseguir recursos, mas sem sucesso. “Não é que os projetos não saíram do papel, é que não são projetos fáceis de executar. Queremos apresentar soluções para a sociedade”, reforça.

Hierarquia

As ações da Agem são tomadas em conjunto com o Conselho Deliberativo da entidade, presidido pelo governador Silval, e que tem como membros os prefeitos dos municípios que compõem a região metropolitana, Mauro Mendes (PSB), Walace Guimarães (PMDB), Valdir Ribeiro (PT) e Carlos Roberto da Costa (PP) – de Cuiabá, Várzea Grande, Santo Antônio de Leverger e Nossa Senhora do Livramento, respectivamente – e, ainda, dois representantes das Câmaras Municipais e dois das secretarias estaduais de Planejamento e Cidades, mais representantes de entidades ligadas, por exemplo, ao comércio e à construção civil.

Comentários no Facebook

Comentários no Site

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião da Agência da Notícia. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agência da Notícia poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.
Comentários com mais de 1300 caracteres serão cortados no limite.

 
Sitevip Internet