Agência da Notícia

Mato Grosso

Agência da Notícia, Sexta-feira 29 de Maio de 2020

1 6
:
4 8
:
1 4

Últimas Noticias

Campanha Publicitária

Notícias / Política

11 Fev 2020 - 07:57 | Atualizado em 11 Fev 2020 - 08:04

Deputado Estadual reforça cobranças por hospitais regionais no Oeste e Norte Araguaia

Governador Mauro Mendes garante estudo técnico para reorganização da Rede de Saúde. A intenção é contemplar também a região Noroeste do Estado

Redação

JL. Junqueira

 (Crédito: JL. Junqueira)
O deputado Max Russi (PSB) reforçou as cobranças, ao Governo do Estado, para a construção de hospitais regionais nas regiões Oeste e Araguaia. Questionamentos foram feitos ao governador Mauro Mendes durante a sessão do balanço das ações, do ano passado, do Executivo Estadual na Assembleia Legislativa.

Primeiro-secretário da Casa de Leis, o parlamentar reconheceu os avanços da atual gestão na área da Saúde, principalmente quanto às melhorias alcançadas na capital e região metropolitana, seja através de investimentos ou reformas. No entanto, fortaleceu suas propostas de medidas mais estratégicas.

“Essas duas regiões, não sei se é hospital ou qual é a alternativa. Quero saber se o senhor tem algum planejamento. O que o senhor pensa nesse sentido?”, questionou Russi.  

Em resposta ao deputado, o governador admitiu um “desequilíbrio” entre as regiões, entretanto garantiu a priorização de uma reorganização de toda a rede de Saúde, assim como a busca por avanços, principalmente nas áreas de infraestrutura e qualificação.

“Nós determinamos e nesse momento está sendo feito um estudo na Secretaria Estadual de Saúde para corrigir esse desequilíbrio entre a Saúde de média e alta complexidade, que é mais a responsabilidade do Estado. A região do Araguaia está sob um estudo, nesse momento, para uma implantação do tão sonhado, prometido Hospital Regional. Deputado, hoje nós temos um estudo para a implantação na região Oeste, Noroeste e na região do Araguaia.”, assegurou.

A implantação de hospitais regionais, em regiões que apresentam deficiências quanto a atendimentos, é parte das recomendações do pacote de propostas do deputado Max Russi.

Seguindo uma cronologia de ações, no ano passado Max apresentou a necessidade da viabilização de um novo veículo de urgência para o Hospital Regional de Cáceres - Doutor Antônio Fontes, referência para 24 municípios da região Oeste.

Ainda em 2019, cobrou um aparelho de mamografia para a Regional de Saúde Centro Norte, unidade que fica em Diamantino e é responsável por levar atendimento a mais de 100 mil pessoas daquela região.

Em uma síntese de sua atuação pelo Araguaia, Max Russi participou da 10° edição da Dinâmica de Empreendimentos e Empreendedores, que aconteceu em Porto Alegre do Norte. Na oportunidade, o parlamentar defendeu a injeção de recursos para os  hospitais de São Félix do Araguaia e de Confresa, municípios considerados polos regionais.

Em março passado, Max se reuniu com os prefeitos de Barra do Garças e São Félix do Araguaia, Roberto Farias e Janailza Taveira.  Junto aos gestores, apresentou as demandas a Secretaria de Estado de Saúde (SES-MT).

Como resultado, o Governo regularizou os repasses de recursos ao Hospital e Pronto Socorro - Milton Pessoa Morbeck e ao Hospital Municipal - João Abreu Luz, que teve a sua reforma inaugurada há poucos meses.

“Tenho andado pelos municípios e creio que essa reorganização possa gerar resultados concretos, que atendam boa parte da demanda dessas e de outras regiões. Estou confiante, no entanto vou continuar cobrando essas políticas públicas”, assegurou o deputado Max Russi. 

Comentários no Facebook

Comentários no Site

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião da Agência da Notícia. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agência da Notícia poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.
Comentários com mais de 1300 caracteres serão cortados no limite.

Notícias Relacionadas

 
Sitevip Internet