Agência da Notícia

Mato Grosso

Agência da Notícia, Domingo 5 de Abril de 2020

1 4
:
1 2
:
2 7

Últimas Noticias

Campanha Publicitária

Notícias / Agronegócio

27 Fev 2020 - 10:22

Suínos: cientistas estudam como tornar alimentação mais nutritiva e econômica

Agrolink

Ao Ligados & Integrados, professor da Esalq/USP afirma que os trabalhos conduzidos nas universidades podem até mesmo mudar a forma de produzir carne suína no Brasil

A alimentação dos suínos representa aproximadamente 70% dos custos de produção dos criadores e interfere no bem-estar, na saúde e na composição da carcaça. A dedicação do produtor rural no manejo dos animais é fundamental para obter um bom resultado na granja, mas há o trabalho de cientistas e pesquisadores também faz diferença para o setor.

A equipe do Ligados & Integrados visitou um laboratório universitário e acompanhou um pouco do processo de pesquisa, que começa com um levantamento bibliográfico — teses e trabalhos anteriores que possam dar um norte para as novas descobertas, por exemplo. Depois, começam as entrevistas de campo e as experimentações, que podem durar anos.

Natália Milani e Vinicius de Paula, alunos doutorando pela Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz (Esalq), ligada à Universidade de São Paulo (USP), pesquisam alternativas de alimentação mais econômicas e nutritivas.


O professor-orientador Urbano dos Santos Ruiz explica que as pesquisas podem mudar características da cadeia produtiva. Os trabalhos estão baseados em quatro fundamentos: conhecer as necessidades dos animais por nutrientes; conhecer o valor nutricional dos alimentos que podem ser fornecidos para esses animais; testar esses alimentos na convivência do animal; e avaliar a parte econômica, a fim de trazer lucro ao produtor.

Comentários no Facebook

Comentários no Site

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião da Agência da Notícia. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agência da Notícia poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.
Comentários com mais de 1300 caracteres serão cortados no limite.

Notícias Relacionadas

 
Sitevip Internet