Agência da Notícia

Mato Grosso

Agência da Notícia, Segunda-feira 6 de Abril de 2020

0 9
:
0 1
:
5 1

Últimas Noticias

Notícias / Judiciário

10 Mar 2020 - 15:13

Justiça condena "braço direito" de deputado por receber R$ 1,1 milhão em propina em MT

Carlos Miranda utilizou conta da mãe para receber recursos desviados

Folha Max

O juiz Jeferson Schneider, da 5ª Vara Federal de Mato Grosso, condenou ontem o ex-tesoureiro do MDB em Mato Grosso, Carlos Roberto Miranda, a 6 anos de prisão. Ele é acusado de movimentar dinheiro oriundo de propina paga ao ex-governador Silval Barbosa por meio de precatório pagos pelo Governo do Estado a empresa Hidrapar Engenharia.

Além da pena, o magistrado determinou que Miranda pague R$ 2,9 milhão em indenização. O valor é referente a propina recebida corrigida pela inflação desde o período que as fraudes aconteceram.

Segundo a denúncia, dos mais de R$ 12 milhões recebidos de propina, cerca de R$ 1,1 milhão foi destinado a Miranda, que é considerado "braço direito" do deputado federal Carlos Bezerra, presidente estadual do MDB. O ex-dirigente partidário utilizou contas da sua mãe para movimentar a quantia que, segundo informações, tinha como destino pagar dívidas da legenda.

DELATORES

Na mesma decisão que condenou Carlos Miranda, o juiz federal determinou o perdão judicial aos irmãos e advogados Kléber Tocantis Matos e Alexa Tocantis Matos. Os dois firmaram acordo de colaboração premiada com o Ministério Público Federal onde detalharam o esquema de desvio milionário.

 

Comentários no Facebook

Comentários no Site

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião da Agência da Notícia. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agência da Notícia poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.
Comentários com mais de 1300 caracteres serão cortados no limite.

Notícias Relacionadas

 
Sitevip Internet