Agência da Notícia

Mato Grosso

Agência da Notícia, Terça-feira 31 de Março de 2020

0 9
:
1 5
:
0 1

Últimas Noticias

Notícias / Agronegócio

20 Mar 2020 - 09:21

Preço da soja sobe forte nos EUA; Veja como fica a situação do Brasil

AGROLINK

O preço da soja na Bolsa de Cereais de Chicago (CBOT) registrou na quinta-feira (19.03) alta de 17,75 pontos no contrato de Maio/20, fechando em US$ 8,4325 por bushel. Os demais vencimentos em destaque da commodity na CBOT também fecharam a sessão com valorizações de 9,25 a 15,25 pontos.

Os principais contratos futuros tiveram um dia de fortes altas no mercado norte-americano da soja, impulsionados pela perspectiva de compras de oportunidades. “Em particular, circularam rumores sobre possíveis aparições de compradores da China. Especulações sobre possível suspensão de operações em alguns portos da Argentina operavam em direção semelhante”, aponta a T&F Consultoria Agroeconômica.

De acordo com a ARC Mercosul, o mercado agrícola trouxe recuperações acentuadas hoje diante pacotes robustos de Bancos Centrais no estímulo econômico global: “Além do mais, as ofertas de exportação de grãos nos Estados Unidos estão se tornando mais atrativas ao consumidor. A soja norte-americana para embarque de curto prazo (próximos 45 dias) já se mostra mais barata, ou nos mesmos níveis, que a oleaginosa brasileira”.

“A China, que já está em processo de extinção do COVID-19, com novas infecções praticamente inexistentes, agora mostra um apetite acentuado por importação. Compras chinesas da soja estadunidense poderão ser observadas nas próximas semanas, uma vez que a logística marítima dos portos no Oeste dos Estados Unidos se torna mais eficiente que as rotas brasileiras. A ARC alerta que apesar do fôlego que o mercado está tomando por agora com injeções de ‘ânimo econômico’ por Bancos Centrais, a crise ainda está longe de uma contenção global. Mais momentos especulativos estão por vir!”, concluem os analistas da ARC Mercosul.

Comentários no Facebook

Comentários no Site

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião da Agência da Notícia. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agência da Notícia poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.
Comentários com mais de 1300 caracteres serão cortados no limite.

Notícias Relacionadas

 
Sitevip Internet