Agência da Notícia

Mato Grosso

Agência da Notícia, Domingo 31 de Maio de 2020

2 2
:
4 0
:
2 0

Últimas Noticias

Notícias / Política

28 Mar 2020 - 08:45

Por unanimidade, AL aprova decreto de estado de calamidade

Deputados estaduais realizaram sessão por meio de videoconferência nesta sexta-feira

Mídia News

Mídia News

 (Crédito: Mídia News)
Por unanimidade, os deputados da Assembleia Legislativa reconheceram, nesta sexta-feira (27), o estado de calamidade pública no âmbito da administração estadual de Mato Grosso em razão dos impactos socioeconômicos decorrentes da pandemia do coronavírus (Covid -19).
 
A medida foi aprovada, em duas votações, por todos os parlamentares presentes na sessão legislativa realizada nesta sexta-feira, que ocorreu de maneira remota – por meio de videoconferência.
 
Com o reconhecimento da situação emergencial, o Executivo fica autorizado a fazer despesas que não estavam previstas no orçamento, para conter a transmissão do vírus e oferecer cuidados de saúde à população.
 
Conforme o decreto 424/2020, a situação de calamidade terá vigência de 90 dias e poderá ser prorrogada, caso haja necessidade.
 
O governador Mauro Mendes (DEM), ao encaminhar o texto no início desta semana ao Parlamento, pediu celeridade na votação.
 
“O decreto é fundamental para podermos adotar as medidas necessárias à prevenção e ao combate à pandemia. Passamos por uma situação atípica e precisamos agir de forma rápida para conter a transmissão e garantir atendimento de saúde a quem necessitar”, destacou o governador Mauro Mendes.
 

Comentários no Facebook

Comentários no Site

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião da Agência da Notícia. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agência da Notícia poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.
Comentários com mais de 1300 caracteres serão cortados no limite.

Notícias Relacionadas

 
Sitevip Internet