Agência da Notícia

Mato Grosso

Agência da Notícia, Quinta-feira 4 de Junho de 2020

0 1
:
3 6
:
4 2

Últimas Noticias

Campanha Publicitária
publicidade

Notícias / Geral

6 Abr 2020 - 09:02 | Atualizado em 6 Abr 2020 - 14:17

Igrejas e lanchonetes voltam a funcionar após novo decreto da prefeitura de Confresa, mas com restrições

Redação / Agência da Notícia

Agência da Notícia

 (Crédito: Agência da Notícia)

Publicidade

Em mais um decreto a prefeitura do munícipio de Confresa autorizou a volta de alguns estabelecimentos que estavam impedidos de abrirem as portas, devido ao perigo da pandemia do vírus COVID-19. 

Academias e igrejas voltaram a funcionar e maior escala, a igrejas poderão voltar atividades com 50% da capacidade e as academias com 40%. 

Já bares e lanchonetes, restaurantes espetarias poderão funcionar até às 22hs com 50% da sua capacidade, isso para que não haja aglomerações de pessoas.

Após as 22hs apenas o serviço de delivery será permitido, além de continuar a proibição de venda de bebida alcoólica das 13h de sexta-feira até as 07h da manhã de segunda-feira. 

As aulas no munícipio continuam suspensas até o dia 30 de Abril como manda o decreto do governo do estado de Mato Grosso.

O horário de proibição de circulação de pessoas nas ruas de Confresa também foi alterado, passando para as 22h30min até ás 05h da manhã do dia seguinte.

Os eventos que aglomeram pessoas continuam proibidos. As concessionárias de água e energia estão proibidas de interromper a prestação de serviços aos consumidores, visto o estado de calamidade pública do Estado de Mato Grosso, em decorrência do atraso no pagamento das faturas desses serviços.

Todas as empresas devem fornecer aos funcionários luvas e máscaras de proteção, além do álcool em gel para clientes e colaboradores. (Clique aqui e confira na íntegra o novo decreto)

Comentários no Facebook

Comentários no Site

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião da Agência da Notícia. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agência da Notícia poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.
Comentários com mais de 1300 caracteres serão cortados no limite.

Notícias Relacionadas

 
Sitevip Internet