Agência da Notícia

Mato Grosso

Agência da Notícia, Quarta-feira 3 de Junho de 2020

1 2
:
1 5
:
0 0

Últimas Noticias

Notícias / Política

18 Mai 2020 - 08:55

Lei multa em até R$ 30 mil quem divulgar fake news sobre pandemia

Projeto é de autoria do deputado Valdir Barranco e foi publicado no Diário Oficial do Estado

Mídia News

Mídia News

 (Crédito: Mídia News)

Publicidade

O governador Mauro Mendes (DEM) sancionou uma lei que prevê multa de até R$ 30 mil a quem divulgar, por meio eletrônico, qualquer tipo de fake news (notícia falsa) a respeito de epidemias e pandemias no Estado.
 
A sanção foi publicada no Diário Oficial do Estado da última quinta-feira (14) e já está em vigor.  
 
Conforme a publicação, a multa pode variar de 20 a 200 UPFs (Unidade de Padrão Fiscal de Mato Grosso). O valor da UPF muda mensalmente e hoje está fixado em R$ 151,58.
 
Desta forma, uma pessoa pega divulgando uma fake news a partir de agora pode ser multada entre R$ 3.031 mil e R$ 30,3 mil. A lei, no entanto, não revela a quem caberá a fiscalização.

 O projeto é de autoria do deputado estadual Valdir Barranco (PT) e passou a tramitar na Assembleia Legislativa no final de março, tão logo surgiram os primeiros casos da Covid-19 (novo coronavírus) no Estado.
 
Ao apresentar a proposta, o deputado afirmou que a divulgação de informações falsas ou distorcidas tem provocado grande debate e muitas vezes é usada “com interesses escusos”.
 
“Minha preocupação é com pessoas que, muitas vezes sob anonimato e com interesses escusos, divulgam informações sabidamente falsas, especialmente em meio digital e nas redes sociais, gerando instabilidade, danos morais, patrimoniais e até mesmo a morte em casos mais graves”, afirmou ele.
 
Conforme despacho do governador, o valor das multas será revertido para o apoio do tratamento de epidemias no Estado.
 

Comentários no Facebook

Comentários no Site

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião da Agência da Notícia. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agência da Notícia poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.
Comentários com mais de 1300 caracteres serão cortados no limite.

Notícias Relacionadas

 
Sitevip Internet