Agência da Notícia

Mato Grosso

Agência da Notícia, Quarta-feira 8 de Julho de 2020

0 7
:
5 6
:
2 9

Últimas Noticias

Campanha Publicitária

Notícias / Política

26 Mai 2020 - 14:31

À PJC, Emanuel nega propina a vereadores e diz que foi vítima de armação

Olhar Direto

Publicidade

 prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro (MDB), esteve na Delegacia de Combate à Corrupção (Deccor) no dia 8 de maio para dar seu depoimento ao delegado José Ricardo Bruno a respeito da acusação de que ele teria oferecido propina a vereadores em troca da cassação do oposicionista Abílio Júnior (Podemos).

Emanuel teria falado por cerca de 45 minutos e as perguntas do delegado foram com base nos elementos apurados pela investigação até o momento. Segundo informações da própria Polícia Civil, outros políticos também deram depoimento sobre o possível caso de propina. O delegado Luiz Henrique Damasceno também acompanhou o interrogatório. 

"Fui até a delegacia, já que não há ninguém mais interessado em esclarecer a verdade desse episódio do que eu. Fui para tentar contribuir com as autoridades fazendárias e com o Ministério Público para que possam desvendar essa farsa armada contra mim”, disse Emanuel via assessoria. 

A data do interrogatório foi escolhida pelo prefeito por ele ter a prerrogativa de escolha por ser chefe do executivo municipal. 

O caso

A oitiva de Emanuel só foi marcada após o vereador Abílio Júnior ter acionado a Polícia Civil para que a instituição investigasse uma situação que ocorreu em dezembro do ano passado, quando a servidora pública Elizabete Maria de Almeida fez as acusações contra o prefeito.

No entanto, após repercussão do caso ela prestou depoimento à  Delegacia de Combate aos Crimes de Corrupção (Deccor) e desmentiu o que havia falado inicialmente. Ainda segundo ela, a armação teria tido a participação do vereador Abílio.

Emanuel nega qualquer tipo de ato ilícito e garante que a verdade deve prevalecer nos fatos investigados pela Delegacia de Combate a Corrupção. 

Comentários no Facebook

Comentários no Site

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião da Agência da Notícia. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agência da Notícia poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.
Comentários com mais de 1300 caracteres serão cortados no limite.

Notícias Relacionadas

 
Sitevip Internet