Agência da Notícia

Mato Grosso

Agência da Notícia, Quinta-feira 9 de Julho de 2020

1 8
:
2 2
:
2 9

Notícias / Geral

5 Jun 2020 - 08:39

Empresário afirma que preços estão competitivos com nova lei

Com alteração em lei, Claudinei Freitas, da Center Sul, rede que integra pequenos empresários mato-grossense do setor de material de construção, passou a ser competitivo

Redação

Publicidade

A | A
Vice-presidente da Rede Center Sul, associação com 30 lojas espalhadas por Mato Grosso e integrando pequenos empresários do ramo de material de construção, Claudinei Freitas viu seus negócios mudarem, para melhor, a partir de 1º de janeiro de 2020. 

Suas vendas aumentaram sensivelmente, especialmente quando se trata de cimento. Até pouco tempo atrás vendia em média 300 sacas mensais. Em janeiro de 2020 passou a vender em torno de duas mil sacas. Mês passado, maio, as vendas superaram essa marca. 

Segundo ele, a grande responsável foi a Lei Complementar 631/19, aprovada em julho do ano passado, que tratou, entre outros assuntos, da reinstituição e revogação de incentivos fiscais no Estado, mantendo a isonomia tributária entre os contribuintes, ou seja, equilibrou o setor e deu mais competitividade.

Ele diz que a lei ajudou muito as pequenas empresas de Mato Grosso, incluindo a dele, localizada em Nova Maringá, município distante 371 km de Cuiabá, no sentido norte.

“Antes, perdíamos clientes para empresas localizadas em cidades distantes até 100 km, porque o regime de tributação não era igualitário. Após a lei, nossos produtos (de minha loja e dos outros pequenos lojistas da rede) conseguem se equiparar aos de grandes lojas”, afirma, acrescentando que a decisão do governo foi acertada.  

“Com a Lei, melhorou muito. Conseguimos entrar novamente no mercado. Agora temos preços competitivos e nossa população não precisa mais se deslocar para outras cidades atrás de preços melhores”, completa Diego Picolotto, gerente de loja.

Parte da Lei Complementar 631/2019, aprovada pela Assembleia legislativa no final de julho de 2019 e sancionada pelo governador Mauro Mendes, que trata dos incentivos fiscais, entrou em vigência em janeiro deste ano.

Comentários no Facebook

Comentários no Site

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião da Agência da Notícia. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agência da Notícia poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.
Comentários com mais de 1300 caracteres serão cortados no limite.

Notícias Relacionadas

 
Sitevip Internet