Agência da Notícia

Mato Grosso

Agência da Notícia, Segunda-feira 10 de Agosto de 2020

1 8
:
1 4
:
2 7

Últimas Noticias

Notícias / Agronegócio

20 Jun 2020 - 09:34

USDA projeta desaceleração do mercado de carne

Apenas China e Japão manteriam uma taxa de crescimento positiva

Agrolink

Pixabay

 (Crédito: Pixabay)

Publicidade

O Departamento de Agricultura dos Estados Unidos (USDA) projetou uma desaceleração do mercado de carnes devido à pandemia do novo coronavírus. O USDA colocou as importações dos 10 principais compradores de carne abaixo de suas compras de 2019, mostrando uma queda de quase 1%. 

Nesta nova projeção, apenas China e Japão manteriam uma taxa de crescimento positiva, embora significativamente menor do que o projetado antes do Covid-19. No caso da China, estima-se que o crescimento das importações em 2020 seja de 15% (menos da metade crescimento esperado nas primeiras projeções), o que representa uma redução de quase 500.000 toneladas em comparação com as projeções pré-pandêmicas, informou o AgroFy News. 

Além da China, o Japão manteria uma taxa de crescimento positivo de suas importações de carne bovina de 2%, enquanto o restante dos principais importadores do mundo reduziria suas compras de carne de países terceiros. 

Enquanto em suas projeções para o mês de janeiro o USDA estimou um crescimento nas exportações de carne bovina (considerando os 10 principais exportadores mundiais) de quase 7%, as projeções subsequentes apresentam as exportações deste ano abaixo das correspondentes a 2019, com queda de 2%. De acordo com essa nova estimativa do USDA, apenas 3 países manteriam taxas de crescimento em suas exportações durante 2020: Canadá (12%), Brasil (8%), México (2%), enquanto todos os outros países exportadores alcançariam níveis das exportações abaixo do ano de 2019, com as quedas mais acentuadas em queda: Austrália (-19,5%), Argentina (-11,5%), Nova Zelândia (-2%) e Uruguai (-1,5%) . 

Comentários no Facebook

Comentários no Site

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião da Agência da Notícia. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agência da Notícia poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.
Comentários com mais de 1300 caracteres serão cortados no limite.

Notícias Relacionadas

 
Sitevip Internet