Agência da Notícia

Mato Grosso

Agência da Notícia, Terça-feira 4 de Agosto de 2020

1 6
:
3 2
:
5 4

Últimas Noticias

Notícias / Política

8 Jul 2020 - 15:10

Secretário de Cultura de MT pede exoneração e volta à AL para votar PEC da Previdência

Allan Kardec assumiu a Secel em 7 de fevereiro de 2019 e diz que, quando tomou posse, a pasta tinha vários projetos e emendas pendentes de pagamento, seis museus fechados, convênios de gestão e editais atrasados.

G1-MT

JLSiqueira/ALMT

 (Crédito: JLSiqueira/ALMT)

Publicidade

O secretário estadual de Cultura, Esporte e Lazer, Allan Kardec, pediu exoneração nesta quarta-feira (8) e comunicou que retornará à Assembleia Legislativa de Mato Grosso, onde ocupa uma cadeira de deputado estadual.

A ideia de Allan Kardec é participar da votação da PEC da Previdência.

“No âmbito estadual, a votação da Reforma da Previdência, por exemplo, atinge diretamente os milhares de servidores públicos e suas famílias. Enquanto estive no Governo, trabalhei firmemente pela construção de um acordo triangulando as principais forças em disputa, o Governador, a Assembleia Legislativa e o Fórum Sindical. Uma vez que a Reforma da Previdência era inevitável, por conta da aprovação em nível federal, trabalhamos para que ela não fosse mais perversa e dolorosa do que a nacional. Chegamos a alguns pontos intransponíveis nessa negociação, e que exigem a disputa pelo voto. E na disputa, sempre estarei ao lado do povo trabalhador, onde está a minha origem e minha luta”, disse ele.

Ele assumiu a Secel em 7 de fevereiro de 2019 e diz que, quando tomou posse, a pasta tinha vários projetos e emendas pendentes de pagamento, seis museus fechados, convênios de gestão e editais atrasados.

Kardec diz que conseguiu implementar 30 novos pontos de cultura pelo estado, incluindo comunidades indígenas e quilombolas, além de realizar fóruns com as categorias e atualizar todos os marcos legais do Esporte e da Cultura, com novas leis e configurações de conselhos, garantindo a participação popular ampla e democrática.

“Atuar pela primeira vez na condição de secretário foi um exercício político que resultou em um grande aprendizado acerca do funcionamento da máquina pública, possibilitando conhecer melhor os processos, os caminhos e os entraves que levam as demandas do papel à sua realização empírica”, disse.

Para explicar os motivos que o levaram a tomar tal decisão, Kardec diz que quer atender seus eleitores.

“Atendo ao chamado dos 18.629 mato-grossenses que me elegeram como representante, confiaram em minha ida para o governo, e agora me convocam para representá-los no Poder Legislativo. Esse é meu compromisso com eles e tantos outros milhares de cidadãos a quem presto contas diariamente do meu trabalho”, afirmou.

Comentários no Facebook

Comentários no Site

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião da Agência da Notícia. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agência da Notícia poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.
Comentários com mais de 1300 caracteres serão cortados no limite.

Notícias Relacionadas

 
Sitevip Internet