Agência da Notícia

Mato Grosso

Agência da Notícia, Quarta-feira 5 de Agosto de 2020

0 4
:
4 1
:
3 9

Últimas Noticias

Notícias / Geral

10 Jul 2020 - 14:40

'Solução é trazer profissionais de outros estados', diz CRM

Gazeta Digital

João Vieira

 (Crédito: João Vieira)

Publicidade

O Conselho Regional de Medicina (CRM)  disse que o governador Mauro Mendes (DEM) está correto em dizer que está tendo dificuldade em encontrar profissionais médicos para trabalharem nos leitos que estão em expansão em Mato Grosso. Segundo o CRM, a solução é trazer profissionais de outros estados, onde a curva da pandemia do novo coronavírus já está caindo para atender os pacientes de Mato Grosso. 

 

O CRM destaca ainda que muitos profissionais estão fora da linha de frente por estarem infectados pelo novo coronavírus, ao todo, são 207 médicos. Desses profissionais médicos, 2 mortes já foram registradas e uma 3ª está em investigação. 

 

A presidente do CRM-MT, Hildenete Monteiro Fortes, destacou que profissionais de fora e das universidades de Mato Grosso que estão se formando no meio deste ano podem reforçar essa falta. Segundo ela, formandos de uma universidade particular de Cuiabá já estão pedindo o seu registro e devem atuar na linha de frente de combate ao vírus.

"Se essa situação continuar do jeito que está, eu acredito que faltará profissionais aqui em Mato Grosso, eu acredito também que profissionais de outros estados possam vir atuar aqui. Nós temos em torno de 7 mil médicos ativos no estado, são 1,5 mil aqui em Cuiabá. Se houver necessidade profissionais de outros estados poderão vir nos ajudar", destacou. 

 

Mais cedo em entrevista, o governador Mauro Mendes destacou que a falta de médicos impede o estado de abrir novos leitos de UTI. 

Comentários no Facebook

Comentários no Site

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião da Agência da Notícia. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agência da Notícia poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.
Comentários com mais de 1300 caracteres serão cortados no limite.

Notícias Relacionadas

 
Sitevip Internet