Agência da Notícia

Mato Grosso

Agência da Notícia, Sexta-feira 18 de Setembro de 2020

2 0
:
4 4
:
1 5

Últimas Noticias

Campanha Publicitária

Notícias / Política

30 Jul 2020 - 11:10

Sem diálogo, Abílio enfraquece oposição e não deve ter apoio de principais aliados em candidatura

Carlos Gustavo Dorileo/Olhardireto

Reprodução

 (Crédito: Reprodução)
Um dos maiores oposicionista do prefeito Emanuel Pinheiro (MDB) na Câmara Municipal, o vereador Abílio Junior (Podemos), que usou as redes sociais para lançar sua pré-candidatura à prefeitura de Cuiabá na semana passada, não deve ter o apoio de seus principais aliados na eleição de novembro. O motivo, segundo pessoas do grupo político do parlamentar, seria a falta de diálogo.Na semana passada, o vereador anunciou que já tomou sua decisão de ser candidato a prefeito, independente do que pensam seus aliados, como seus colegas opositores na Câmara, assim como o deputado estadual Ulysses Moraes (PSL) e o vereador Felipe Wellaton (Cidadania), dois nomes que podem ser lançados para prefeitura.
 
Em seu anúncio, Abílio disse que caso algum desses aliados também se lance a uma candidatura para o Palácio Alencastro, irá a princípio enfrentá-lo, supondo que uma composição pode acontecer somente em caso de segundo turno.
 
“Esta eleição também terá a disputa pelo Senado e eu já tenho um candidato que apoio, que é o Medeiros. O PSL que tem o Ulysses, gostaria muito que estivesse com a gente, mas eles já tem um pré-candidato ao Senado que é o Elizeu. É possível que eles lancem o Ulysses Moraes e, se lançarem, infelizmente, ele também será candidato. O Felipe Wellaton também pode ser candidato, mas eu também vou ser”, disse o vereador.
 
O lançamento da pré-candidatura incomodou alguns dos aliados do vereador, que já indicam que não vão estar com ele na disputa eleitoral que vai acontecer este ano no mês de novembro, por causa da pandemia do novo coronavírus.
 
Alguns destes aliados, inclusive, já manifestam insatisfação com Abílio, por ele cravar que irá para a disputa da prefeitura sem ao menos consultar o grupo que o apoiou durante sua cassação.
 
Desta forma, a oposição que ganhou enorme visibilidade durante esta legislatura, deve ir para o pleito dividida e enfraquecida.

Comentários no Facebook

Comentários no Site

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião da Agência da Notícia. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agência da Notícia poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.
Comentários com mais de 1300 caracteres serão cortados no limite.

 
Sitevip Internet