Agência da Notícia

Mato Grosso

Agência da Notícia, Segunda-feira 21 de Setembro de 2020

0 6
:
1 5
:
2 6

Últimas Noticias

Campanha Publicitária

Notícias / Cidades

7 Ago 2020 - 17:40

PM contrai Covid dentro de hospital de Cuiabá e morre

Ney Antônio Pereira de Souza estava internado há 3 meses, quando sofreu acidente numa loja

Folha Max

Reprodução

 (Crédito: Reprodução)
O sargento da reserva remunerada, Ney Antônio Pereira de Souza, 63 anos, morreu na manhã desta sexta-feira (7) após contrair Covid-19 num hospital particular de Cuiabá. O policial estava internado desde o dia 8 de maio no Hospital Santa Rosa, depois de sofrer uma queda acidental na rampa de uma loja em Várzea Grande.

A fatalidade agravou o quadro de saúde do policial, que sofreu traumatismo craniano e fraturou uma costela. Há dez dias, o militar recebeu o diagnóstico positivo para Covid-19 e precisou ser intubado.

Por volta 5 horas da manhã, ele sofreu Acidente Vascular Cerebral (AVC), seguido de uma parada cardiorrespiratória, e não resistiu. O policial ingressou na Polícia Militar em junho de 1979 e já estava na reserva remunerada quando decidiu voltar a atividade militar.

Ele estava atuando no setor patrimonial da instituição, na sede do Quartel Geral da PM. Antes de entrar para reserva, o sargento prestou serviços militares em diversas unidades da corporação e órgãos como o Tribunal de Justiça de Mato Grosso.

"A PM lamenta profundamente a perda e presta condolências à esposa do sargento, Maria Nascimento de Souza, suas duas filhas e o primeiro neto do militar que, devido ao acidente, não chegou de conhecer, já que estava hospitalizado", diz nota da Polícia Militar.

O sepultamento do sargento ocorrerá no Cemitério Bom Jesus no bairro Parque Cuiabá, na capital.  

BARRA DO GARÇAS

Em Barra do Garças, cabo Milton Arcanjo de Santana faleceu no pronto-socorro municipal, às 4 horas da manhã, depois de passar mal em casa e sofrer uma parada cardiorrespiratória.

O policial que era diabético, há oito dias havia sofrido um infarto. Ele ficou internado e teve o lado esquerdo do corpo paralisado, e recebeu alta médica.  Em casa, o cabo PM estava passando por sessões de fisioterapia para recuperar os movimentos do corpo.

"Cabo Santana estava na reserva remunerada há 12 anos, ele serviu e protegeu a sociedade à frente da PM por mais de 24 anos", diz nota da PM. 

O militar deixa quatro filhos e netos. O sepultamento será realizado no Cemitério Jardim Nova Barra, no município onde residia.

Comentários no Facebook

Comentários no Site

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião da Agência da Notícia. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agência da Notícia poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.
Comentários com mais de 1300 caracteres serão cortados no limite.

 
Sitevip Internet