Agência da Notícia

Mato Grosso

Agência da Notícia, Domingo 20 de Setembro de 2020

0 8
:
0 6
:
1 7

Últimas Noticias

Campanha Publicitária

Notícias / Política

10 Ago 2020 - 08:30

Com 3 pré-candidatos, PSDB tenta acordo para evitar "racha" em Cuiabá

Dorileo Leal, Luiz Carlos Nigro e Paulo Borges são postulantes do PSDB à prefeitura de Cuiabá

ALLAN MESQUITA/FolhaMax

ALLAN MESQUITA

 (Crédito: ALLAN MESQUITA)
Presidente estadual do Partido da Social Democracia Brasileira  (PSDB), o deputado Carlos Avallone garante que o partido deve lançar um candidato para concorrer à Prefeitura de Cuiabá, nas eleições municipais, marcada para o dia 15 de novembro. Para isso, o parlamentar explicou que o partido tenta entrar num consenso entre três nomes.  

Avallone revelou que atualmente existe uma “disputa interna” travada entre os empresários Luiz Carlos Nigro, João Dorilêo Leal e o ex-presidente da sigla, Paulo Borges. “Nós estávamos trabalhando a pré-candidatura do Luiz Carlos Nigro e alguns meses atrás o nosso filiado Dorilêo Leal chamou a mim e ao Wilson Santos comunicando a pretensão de ser pré-candidato. Nós fizemos uma reunião e eles combinaram uma forma de trabalhar a pré-campanha. Agora, o nosso ex-presidente do partido Paulo Borges também colocou o nome dele a disposição”, relatou. 

O parlamentar afirmou que a situação é inédita dentro do ninho tucano. Segundo ele, se não houver um acordo entre os três, a definição será feita pela convenção partidária. “A forma mais democrática dessa decisão é justamente a convenção, onde se coloca o nome dos três e aí tem a disputa, algo que que a gente nunca assistiu dentro do PSDB. Sempre houve um consenso”, complementou. 

Nigro já foi presidente do Sindicato de Hotéis, Bares e Restaurantes e secretário-adjunto de Turismo no Governo Pedro Taques. Em 2018, demonstrou foi suplente na chapa em que o ex-deputado Nilson Leitão tentou uma vaga no Senado.  

Dorilêo é proprietário do grupo Gazeta de Comunicação. Ele já ensaiou disputar a prefeitura em outras eleições.

Já Paulo Borges foi vereador por Cuiabá entre 2009 e 2012. Além disso, Borges foi presidente do PSDB, em 2017. 

Apesar do impasse, Avallone acredita que a questão seja pacificada nos próximos dias. “Os três são muitos amigos, sempre houve um consenso, eles se conhecem e se respeitam. Acredito que vão chegar em um entendimento e um deles poderá ser nosso candidato”, concluiu.  

Comentários no Facebook

Comentários no Site

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião da Agência da Notícia. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agência da Notícia poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.
Comentários com mais de 1300 caracteres serão cortados no limite.

 
Sitevip Internet