Agência da Notícia

Mato Grosso

Agência da Notícia, Domingo 25 de Outubro de 2020

1 9
:
1 0
:
1 8

Últimas Noticias

Notícias / Cidades

26 Ago 2020 - 17:20

Projeto cria “controle do fogo” em MT

Folha Max

Reprodução

 (Crédito: Reprodução)
Visando a colaboração no processo legislativo em nosso Estado, o Corpo de Bombeiros Militar, através do coronel Metelo, reuniu-se com o deputado estadual Faissal Calil (PV), na última sexta-feira (21), a fim de auxiliar na construção do texto do Projeto de Lei (PL) n° 728/2020 apresentado pelo parlamentar na sessão plenária do dia 18 que trata sobre o programa estadual  do “controle do Fogo”.

“Esse auxilio na construção do texto do PL está embasado no Art. 82 da nossa Constituição Estadual, que fala sobre as atribuições do Corpo de bombeiros Militar, que além de combater os incêndios, deve atuar na prevenção e também na proteção ao meio ambiente”, disse o coronel.

Durante a reunião, foi apresentado ao deputado todas as ações que foram e estão sendo desenvolvidas ao longo dos anos para mitigar os danos causados pelos incêndios em vegetação, que atingem não só as áreas rurais, como também as áreas urbanas, como os parques que comumente são utilizados para as práticas esportivas.

Segundo o coronel Metelo, de janeiro a julho de 2019, foram atendidas 1.362 ocorrências de incêndio em vegetação. Já 2020 registrou  1.489 ocorrências no mesmo período, um aumento de mais de 9%. Diante da demanda, foi necessário suspender férias e licenças dos militares.

“Nos incêndios que recentemente atingiram áreas de vegetação na estrada da Guia e no aeroporto Marechal Rondon, os militares que estavam no horário de folga, foram acionados”, concluiu Metelo.

“Diante das informações apresentadas, fica evidente que a participação do Corpo de Bombeiros é de fundamental importância na construção do texto legislativo e nas etapas subsequentes”, disse Faissal.

Comentários no Facebook

Comentários no Site

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião da Agência da Notícia. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agência da Notícia poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.
Comentários com mais de 1300 caracteres serão cortados no limite.

 
Sitevip Internet