Agência da Notícia

Mato Grosso

Agência da Notícia, Sexta-feira 18 de Setembro de 2020

0 3
:
3 0
:
5 3

Últimas Noticias

Campanha Publicitária

Notícias / Política

15 Set 2020 - 09:10

Deputado não crê em apoio de Bolsonaro a militar e critica racha da direita em MT

Fávero destaca que presidente tem carinho por Carlos Fávaro

ALLAN MESQUITA/FolhaMax

Reprodução

 (Crédito: Reprodução)
O deputado estadual Silvio Fávero (PSL) colocou em xeque o apoio do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) à candidatura da tenente-coronel PM Rúbia Fernanda (Patriota), na disputa suplementar ao Senado, marcada para o dia 15 de novembro. De acordo com o parlamentar, o apoio de Bolsonaro ainda é tímido e pode ainda não estar definido, de fato.

“Ele apareceu na live da tenente-coronel, mas um pouco modesto, simples. Acho que temos que esperar. Eu estou vendo a direita muito dividida. A direita está igual a esquerda, infelizmente", alfinetou.A fala aconteceu na última semana durante uma coletiva de imprensa, no Palácio Paiáguas. Fávero, que é defensor ferrenho de Bolsonaro, também criticou o “racha” entre as candidaturas de direitas que buscam apoio do presidente.

O parlamentar declarou que Bolsonaro ainda estaria "dividido" quanto a quem apoiar efetivamente nessas eleições. Isso porque além da militar, existem outras candidaturas alinhadas a direita como a do deputado federal José Medeiros (Podemos), Elizeu Nascimento (DC) e empresário Reinaldo Moraes (PSC) também almejam ter o apoio do Palácio Alvorada na empreitada política.

Segundo ele, o palanque deveria ser direcionado a Medeiros, que é o vice-líder do Governo na Câmara Federal. “A direita está igual a esquerda, dividida em três grupos. Tinha que caminhar junto. Mas nesse caso, quem defende o Bolsonaro de deputado federal? O Medeiros. Esse é o cara que eu posso falar que representa Bolsonaro no meu ponto de vista. Não é meu candidato, mas temos que ser sinceros”, pontuou. 

Por fim, Fávero revelou ainda que o presidente teria ainda uma certa simpatia pela candidatura do senador interino Carlos Fávaro (PSD), que ocupa a vaga temporariamente no lugar da juíza aposentada Selma Arruda (Podemos), cassada por cometer crimes eleitorais. “Ele está bem dividido, porque ele também tem um carinho por Carlos Fávaro, que é muito amigo do Flávio”, concluiu.  

Comentários no Facebook

Comentários no Site

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião da Agência da Notícia. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agência da Notícia poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.
Comentários com mais de 1300 caracteres serão cortados no limite.

 
Sitevip Internet