Agência da Notícia

Mato Grosso

Agência da Notícia, Sexta-feira 18 de Setembro de 2020

0 4
:
4 3
:
4 8

Últimas Noticias

Campanha Publicitária

Notícias / Política

15 Set 2020 - 15:50

Taques responde às críticas de Mendes e diz que "fez tudo que podia enquanto governador"

Max Aguiar

Rogério Florentino Pereira/ OD

 (Crédito: Rogério Florentino Pereira/ OD)
Em tom menos contundente que o adotado pelo atual governador Mauro Mendes (DEM), o antigo chefe do Paiaguás Pedro Taques (SD) rebateu as críticas recentes do ex-aliado e sustentou que fez tudo o que podia enquanto governou o Estado, entre 2014 e 2018. Taques, que segundo Mendes teve um final "melancólico", ainda desejou “sorte” ao democrata.A resposta de Taques foi às diversas críticas que Mendes faz sobre o mandato do ex-tucano agora filiado ao Solidariedade, principalmente sobre a forma como recebeu o governo, em 1º de janeiro de 2019.

Para Mauro, em entrevista coletiva na tarde de segunda-feira (14), o final de Taques foi “melancólico”, após uma gestão que “não produziu resultados positivos”. “Ele foi julgado nas urnas, então, se ele quer um novo julgamento, certamente a população vai dar a ele, como dará a todos que vão se apresentar, todos aqueles que se colocam como candidatos”, disparou.

Ao Olhar Direto, nesta terça-feira (15), Taques. "Desejo ao governador e a sua família, sucesso na administração do nosso Estado; perdi a eleição porque o povo assim desejou, aceito democraticamente. No governo do Estado fiz tudo que podia, de acordo da minha competência e o momento histórico; tenho certeza que mais poderia ser feito, infelizmente não consegui. Desejo a mauro sucesso e felicidade", ponderou.

Por fim, Taques ainda relata que não é concorrente atual de Mauro Mendes. "Não sou candidato a governador; quero ser um soldado para ajudar Mato Grosso", disse o agora pré-candidato ao Senado, na disputa suplementar pelo Solidariedade em 15 de novembro deste ano.

Comentários no Facebook

Comentários no Site

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião da Agência da Notícia. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agência da Notícia poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.
Comentários com mais de 1300 caracteres serão cortados no limite.

 
Sitevip Internet