Agência da Notícia

Mato Grosso

Agência da Notícia, Sexta-feira 18 de Setembro de 2020

0 4
:
0 2
:
1 7

Últimas Noticias

Campanha Publicitária

Notícias / Política

15 Set 2020 - 17:50

Barbudo quer homenagem a Bolsonaro por 500 dias sem corrupção, mas Maia manda direto ao arquivo

RD News

Reprodução

 (Crédito: Reprodução)
No dia 18 de junho deste ano, o deputado federal Nelson Barbudo (PSL) apresentou requerimento de Voto de Regozijo ou Louvor. No texto, apresentado em plena pandemia de Covid-19, quando as atenções do Congresso estavam voltadas ao combate ao novo coranavírus, o parlamentar requer moção de aplauso ao presidente Jair Bolsonaro, "pela inestimável contribuição ao Brasil em 500 dias de Governo sem corrupção". 

A matéria foi recebida pela Mesa Diretora em 02 de julho. E na mesma data, o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), determinou sua publicação e arquivamento pela total falta de relevância da moção quando o Brasil já tinha 47.869 mortos por Covid-19.Moção

Na moção de louvor, Barbudo apenas reproduz textos dos jornalistas Augusto Nunes e Cláudio Magnavita.  Ambos são identificados com o bolsonarismo.

“Faz 500 dias que não ocorre uma única ladroagem com a participação ou anuência do governo federal. Tal fenômeno não acontecia no Brasil desde 2005, quando o governo Lula inaugurou com o escândalo do Mensalão a era da corrupção institucionalizada. Isto é um fato”, diz o texto de Augusto Nunes.

“Para o Brasil, é melhor ter um presidente truculento que bate boca de forma transparente na porta do Palácio, do que um que recebe o dono da JBS na madrugada, ou pede para Odebrecht reformar sua fundação, ou para a OAS remodelar sua cozinha. Deixem o governo trabalhar em paz. Ele será julgado pelas urnas”, pontua Cláudio Magnavita.

Comentários no Facebook

Comentários no Site

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião da Agência da Notícia. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agência da Notícia poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.
Comentários com mais de 1300 caracteres serão cortados no limite.

 
Sitevip Internet