Agência da Notícia

Mato Grosso

Agência da Notícia, Sexta-feira 18 de Setembro de 2020

1 7
:
3 4
:
5 8

Últimas Noticias

Notícias / Política

16 Set 2020 - 13:50

Fávaro tem apoio do MDB, PV e PTB ao Senado

Folha Max

Reprodução

 (Crédito: Reprodução)
O PSD de Mato Grosso confirmou o nome do senador Carlos Fávaro como candidato ao Senado na eleição suplementar.  A definição ocorreu na noite desta segunda-feira (15), em Cuiabá, durante convenção da sigla. No evento foram escolhidos o primeiro e segundo suplentes da candidatura: respectivamente, a empresária Margareth Buzetti (PP) e o advogado José Lacerda (MDB).

Além do PSD, do Progressistas e do MDB, que votou na noite desta segunda-feira de forma unânime pelo apoio a Fávaro, a coligação já conta também com a adesão do PTB e do PV. Fávaro conta com o apoio do governador Mauro Mendes (DEM), confirmado pelo chefe do Executivo também nesta segunda.

Em seu primeiro pronunciamento após a confirmação da candidatura, Fávaro destacou que sua missão durante a campanha será a de demonstrar o que já fez ao longo dos 150 dias em que está no Senado e de apresentar suas propostas para o restante do mandato. “Temos que falar apenas o suficiente e trabalhar muito, trabalhar bastante. É isso o que faço durante toda a minha vida, tenho feito no Senado e seguirei fazendo”.

Entre os feitos alcançados por Fávaro está a mudança nos critérios de repasse dos recursos por parte do Governo Federal para o auxílio aos estados e municípios por conta da pandemia da Covid-19, que aumentou em 900% o valor recebido pelas prefeituras de Mato Grosso e fez saltar de R$ 900 milhões para mais R$ 1,3 bilhão o montante de recursos repassados para a administração estadual. A atuação de Fávaro neste projeto foi justamente o ponto destacado pelo vice-presidente do Senado, senador Antonio Anastasia (PSD-MG), que declarou seu apoio por reconhecer a seriedade da atuação de Fávaro nesses cinco meses de Senado.

Outro tema levantado pelo candidato foi a relatoria no Senado da Medida Provisória que flexibilizou o ano letivo, fazendo com que milhares de alunos pudessem seguir seus estudos. “A política serve justamente para isso, para construirmos soluções, para ajudarmos quem ainda fará por nós, como as crianças, para fazer por quem já fez e para ajudar aqueles que em algum momento não puderam seguir fazendo”.

Além das presenças dos dirigentes partidários das siglas que se uniram em torno do projeto do PSD ao Senado, Fávaro recebeu muitos apoios de lideranças políticas regionais e nacionais, como o do ex-governador, ex-senador e ex-ministro Blairo Maggi (PP). “Mato Grosso terá um bom representante no Senado, junto com os que já estão lá, e que vão trabalhar pelas necessidades que temos em Mato Grosso.

O ex-senador Cidinho Santos (PP), que foi coordenador da campanha de Mendes ao governo em 2018. “Esta é a oportunidade que temos para elegermos alguém que já mostrou ser do trabalho. Nestes poucos dias no Senado, mesmo diante desta grave pandemia, ele tem dado a vida para demonstrar que é e vi continuar sendo um grande parlamentar, um defensor de Mato Grosso em Brasília”.

Outro político de renome que fez questão de deixar seu depoimento em prol da candidatura de Fávaro foi o líder do PSD no Senado, o baiano Otto Alencar. Ele lembrou a importância da contribuição dada pelo senador em meio à pandemia que afetou a Saúde e a economia do país. “Em nome do nosso partido, quero agradecer sua participação. Você foi presente e decisivo e estaremos juntos para trabalhar, você por Mato Grosso e nós, juntos, pelo Brasil”.

O senador Nelsinho Trad (PSD-MS) foi enfático ao declarar que Fávaro é uma das pessoas de confiança do governo Bolsonaro. “Quero destacar o desempenho e a grande atuação de Fávaro neste curto espaço de tempo no Senado. Ele tem competência e trabalha muito. Mato Grosso está muito representado por Fávaro”, disse o senador. 

Diversos deputados estaduais também prestigiaram a convenção, como Faissal (PV). “Estou orgulhoso em fazer parte deste time, um time vitorioso. Sem medo de errar, nosso partido fez a melhor escolha, tomou a melhor decisão. Conheço Carlos Fávaro e sei que a sua principal virtude é o diálogo, é saber ouvir. Político que não tem diálogo não merece exercer mandato”.

Também estiveram presentes ao evento o deputado federal Neri Geller (PP), os deputados estaduais Paulo Araújo (PP), Valmir Moretto (PRB), Pedro Satélite e Ondair Bortolini, o Nininho, ambos do PSD, o presidente da Câmara Municipal de Cuiabá, Misael Galvão (PTB) e o secretário de Ciência, Tecnologia e Inovação de Mato Grosso, Nilton Borgatto, além dos presidentes dos partidos coligados.

Comentários no Facebook

Comentários no Site

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião da Agência da Notícia. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agência da Notícia poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.
Comentários com mais de 1300 caracteres serão cortados no limite.

 
Sitevip Internet