Agência da Notícia

Mato Grosso

Agência da Notícia, Sexta-feira 27 de Novembro de 2020

0 0
:
4 4
:
5 2

Últimas Noticias

Notícias / Agronegócio

11 Nov 2020 - 11:48

Mais de 10% da safra de soja de 2022 já foi negociada em Mato Grosso

Os preços bastante atrativos está fazendo com que muitos produtores travem pelo menos uma parte de suas futuras colheitas

Canal Rural

Repórter Agro: Tiago Seiffert

 (Crédito: Repórter Agro: Tiago Seiffert)
Os altos valores da soja e a possibilidade de troca de insumos para 2022, estão atraindo os produtores de Mato Grosso. Não `toa que as comercializações antecipadas da safra 20221/2022 estão mais aceleradas que as para a safra 2020/2021, que vem sendo semeada.
 
Até o momento, mais de 10% da safra que será colhida em 2022 já foi negociada, algo inédito para o estado. No começo de outubro o total negociado era de 6,21%, ou seja, de lá para cá rolou um avanço de 4,19 pontos percentuais.
 
“O avanço das negociações para a safra 2021/2022 foi o maior que da atual safra. Até o momento, o aumento foi de 4,19 p.p., atingindo 10,40% da produção esperada, sendo influenciado pelas atrativas relações de troca com insumos”, afirma o Imea.
 
Já a comercialização antecipada da safra 2020/2021, que está sendo plantada no estado, avançou apenas 3,98 pontos percentuais desde outubro, atingindo agora 64,38% da produção futura negociada.
 
“Mesmo com valores recordes, a oleaginosa teve baixo volume de negociação fechada para a temporada 2020/2021. Este avanço é inferior ao percebido nos últimos meses, pois a comercialização já estava bem adiantada e a semeadura da cultura foi a prioridade para o agricultor nas últimas semanas”, diz a entidade.
 

 
Por fim, Mato Grosso já negociou praticamente toda a safra 2019/2020. A comercialização alcançou 99,61% do volume produzido.
 
“Com a pouca disponibilidade da oleaginosa no mercado e preços valorizados em Chicago, as transações registradas no último mês ficaram em média a R$ 162,92 por saca. Mesmo com valores recordes, a oleaginosa teve baixo volume de negociação fechada”, afirma o Imea.

Comentários no Facebook

Comentários no Site

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião da Agência da Notícia. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agência da Notícia poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.
Comentários com mais de 1300 caracteres serão cortados no limite.

 
Sitevip Internet