Agência da Notícia

Mato Grosso

Agência da Notícia, Sexta-feira 27 de Novembro de 2020

0 0
:
3 3
:
2 1

Últimas Noticias

Campanha Publicitária

Notícias / Agronegócio

18 Nov 2020 - 14:55 | Atualizado em 18 Nov 2020 - 15:02

Semeadura de soja chega a 85% em Agua boa com ataque de pragas

AGR Notícias

Repórter Agro: Tiago Seiffert

 (Crédito: Repórter Agro: Tiago Seiffert)
A semeadura da soja na safra 20/21 segue em ritmo lento em Agua Boa – MT por falta de chuvas em várias regiões produtoras. Já foram semeados cerca de 85% dos 190 mil hectares previstos. As chuvas estão irregulares e algumas áreas já sofrem pelo déficit hídrico no solo.
 
Produtores de soja estão relatando grande pressão sobre as lavouras por ataques de cascudinho e torrãozinho nas primeiras áreas plantadas. A informação partiu do engenheiro agrônomo Danilo Viana, da Associação dos Agrônomos do município. Segundo ele, os produtores que fizeram aplicações de defensivos agrícolas com práticas recomendadas, conseguiram controlar parcialmente o ataque dessas pragas.Cascudinho
 
Os adultos do “cascudinho-da-soja” Myochrous armatus (Figura 1) têm coloração em geral preta, podendo ocorrer variações do marrom ao acinzentado, de acordo com o tipo de solo em que vivem, pois, partículas de solo ficam aderidas ao seu corpo. O adulto tem o hábito de se fingir de morto quando é perturbado. As larvas são amarelas e vivem no solo. Os danos podem ser causados tanto pelos adultos, que cortam a base do caule de plantas jovens que tombam e morrem, quanto pelas larvas que se alimentam de raízes. Além da soja, o inseto também pode alimentar-se de braquiárias, fedegoso, amendoim-bravo, feijão e milho.
 
Blapstinus sp. tem sido observado em áreas isoladas dos Estados do Paraná e do Rio Grande do Sul, cortando plântulas e hastes de plantas jovens. O inseto é pequeno, medindo aproximadamente 5,5 mm, tem coloração geral preta.
 
Os adultos de Chalcodermus sp., também conhecido como “bicudinho”, seccionam pecíolos, broto apical e pedúnculo das plantas de soja. As maiores populações desse inseto ocorreram na região sudoeste do Paraná e Santa Catarina.

Comentários no Facebook

Comentários no Site

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião da Agência da Notícia. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agência da Notícia poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.
Comentários com mais de 1300 caracteres serão cortados no limite.

 
Sitevip Internet