Imprimir

Imprimir Notícia

23 Fev 2021 - 09:40 | Atualizado em 23 Fev 2021 - 09:46

Ação rápida da PM e PJC impede que homem coloque fogo na esposa após agredi-la em Porto Alegre do Norte

Uma mulher de 32 anos viveu momentos de terror, após ser agredida e ter o corpo banhado por álcool que possivelmente seria incendiado pelo marido. A ação rápida da Polícia Militar e policiais Civis impediu que uma tragédia acontecesse.

O caso ocorreu em uma residência do Setor Buriti, por volta das 15h20min da tarde de segunda-feira (22), em Porto Alegre do Norte.

Policiais foram informados que no local uma mulher estava sendo espancada, de imediato uma guarnição da PM com apoio da Polícia Civil se deslocou para o imóvel. Ao perceber a presença dos policiais o suspeito de 38 anos correu e se escondeu em um banheiro, mas acabou preso.

Aos policiais o filho do casal relatou que o pai estava agredindo a mãe e que ele teria colocado uma faca no pescoço da mulher, além de jogar álcool por todo corpo da vítima. O crime de homicídio só não foi consumado devido a agilidade das equipes policiais.

A mulher foi encaminhada ao Pronto Socorro de Porto Alegre do Norte onde foi constatado duas fraturas nas costelas e hemorragia interna.

O suspeito foi preso em flagrante e posteriormente levado a Delegacia de Polícia Civil onde responderá por seus crimes.

Imprimir