Imprimir

Imprimir Notícia

28 Mai 2021 - 17:21

OAB pede que parlamento apure quebra de decoro durante postagem homofóbica

A Ordem dos Advogados do Brasil Seccional Mato Grosso (OAB-MT) requereu que a Assembleia Legislativa de Mato Grosso (MPE) instaure procedimento para apurar a conduta do deputado Gilberto Cattani (PSL), acusado de quebrar decoro parlamentar ao realizar publicação homofóbica.Ofício ao presidente da casa de Leis, Max Russi, foi assinado por Leonardo Campos e Nelson Freitas Neto, presidente da OAB-MT e presidente da Comissão da Diversidade Sexual, respectivamente. Documento é datado do dia 25 de maio.
 
Na publicação, o parlamentar ironizou as campanhas realizadas no Dia Internacional Contra a LGBTfobia, comemorado nesta segunda-feira (17), afirmando que “ser gay é uma escolha”. 
 
A publicação circulou pela Assembleia Legislativa de Mato Grosso (AL-MT) e foi motivo de risadas entre parlamentares como Elizeu Nascimento (PSL), que ao se deparar com a postagem, riu e compartilhou com seu correligionário, Delegado Claudinei.Cattani já foi denunciado ao Ministério Público do Estado (MPE) em comunicação promovida pelo Grupo Livremente, que atua na defesa e promoção dos direitos da população LGBT+ no estado.

Imprimir