Imprimir

Imprimir Notícia

8 Jun 2021 - 11:14

Senador de MT avalia que Bolsonaro deve "falar menos"

O senador Carlos Fávaro (PSD) criticou a postura do presidente Jair Bolsonaro (Sem Partido), afirmando que ele deveria "falar um pouco menos" para não atrapalhar as relações políticas. A declaração ocorreu na manhã desta segunda-feira (7), durante entrevista à Rádio Capital FM.

“Ele trabalha bastante, mas se pudesse falar um pouco menos. Ele tem um gênio bastante forte e não leva desaforo para casa. Às vezes no ímpeto de dar resposta rápida, talvez ele atrapalhe um pouco a relação política. Nesse momento, se ele rezasse um Pai Nosso, tomasse um café ou água gelada, ajudaria muito”, disse o senador.

Em relação à disputa presidencial em 2020, Fávaro ressalta que o candidato que compor com os partidos do “Centrão” deve ganhar a disputa por ter mais diálogo com a população.

Ainda segundo ele, a disputa deve ficar acirrada entre o ex-presidente Lula (PT) e Jair Bolsonaro. Entretanto, afirma que caso nenhum dos dois componha melhor com o Centro, um terceiro nome deve aparecer na disputa.


Thank you for watching

“O presidente do meu partido, por exemplo, defende e acha que o Rodrigo Pacheco, presidente do Senado Federal, é um homem equilibrado, advogado, mineiro, ele pode ser uma grande opção. Na ausência de nomes, o vácuo não existe”, explicou.

“Não estou dizendo que sou a favor do Lula, do presidente Bolsonaro ou do Rodrigo Pacheco. Estou dizendo que quem souber dialogar, montar palanques regionais, souber conversar com a população e captar a mensagem das pessoas é que vai ter o equilíbrio e força para ganhar as eleições”, concluiu Fávaro.

Imprimir