Imprimir

Imprimir Notícia

11 Out 2021 - 08:42

Açúcar cristal SP fecha a primeira semana do mês em alta

Nesta sexta-feira, açúcar cristal de São Paulo registou alta de 0.76% e sua saca de 50 Kg chegou a valor de R$ 144.81, de acordo com a TF Agroeconômica. “Este valor é o maior do mês de outubro, até então, e também o segundo maior preço registrado nos últimos 23 dias, ficando abaixo apenas do dia 23/09, quando a saca de 50Kg de açúcar cristal, chegou ao seu recorde e alcançou o valor de R$ 145.46”, comenta. 

“Durante  todos  os  dias  dessa  semana,  o  adoçante fechou  em  alta  no  mercado  spot  de  São  Paulo.  Esse comportamento  ascendente  se  deve  à  influência  de diversos aspectos.  O principal, que muito se fala por especialistas, é a questão da oferta restrita. Apesar das chuvas que estão previstas para  as  próximas  semanas,  a  estiagem  dos  últimos  meses  deixou  consequências  e  elevou  o  preço  do  açúcar  a patamares nunca registrados desde o início da safra 20/21. Outro fator é a alta do petróleo, que trabalha no maior nível em anos nas bolsas internacionais, influenciou o mercado interno e impulsionou o mercado do adoçante”, completa. 

No início da tarde, a Petrobras anunciou aos seus clientes novo reajuste do preço da gasolina e do gás liquefeito de petróleo (GLP). “O litro da gasolina vai ficar R$ 0.20 mais caro a partir de amanhã e o kg do GLP, R$ 0.26. Com isso, o gás de cozinha (botijão de 13 kg) sairá das refinarias da estatal custando R$ 50.15 para as distribuidoras. O etanol e o açúcar competem pela cana-de-açúcar no Brasil, com as usinas produzindo mais ou menos dependendo dos preços de mercado. Os preços mais altos da gasolina levam a preços mais altos do etanol e o açúcar normalmente acompanha, pois sua oferta se restringe”, conclui. 

Imprimir