Imprimir

Imprimir Notícia

4 Nov 2016 - 10:50

'Fanático' pelo Enem, professor do Amapá faz prova pela sexta vez

 Desde 2011 a maratona de provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) se tornou rotina para o professor de Língua Portuguesa Tiêgo Alencar, de 22 anos. O amapaense se diz "fanático" pelo exame e tem como objetivo tirar a nota máxima na redação, que é 1000 pontos.

No ano passado, ele conta que chegou a 950 pontos com o tema "A persistência da violência contra a mulher na sociedade brasileira". Alencar completa que desde 2011, quando foi aprovado para o curso de letras, não fez mais o Enem visando ingressar em outro curso superior, participou das provas somente com o objetivo de fechar a redação, contou.

"Faço simplesmente pelo fato de me manter atualizado no que a prova pede. Comecei a fazer primeiro para vestibular e depois fui fazendo todos os anos pelo fato da prova ter um peso grande na linguagem e redação. Comecei com notas medianas e depois foi aumentando pelo conhecimento que fui adquirindo ao longo do curso de letras", explicou.

Um dos desafios para a nota 1000 do professor é o tema da redação que todos os anos aborda fatos sociais, que exigem conhecimento cotidiano do candidato. Para 2016, Alencar prevê após pesquisas e discussões que o tema pode estar relacionado com a realização das Olimpíadas no Rio de Janeiro, ou com a prática do bullying contra crianças e adolescentes.

"O Enem é imprevisível e diversos temas passam pela cabeça, acho que podem ser esses dois, mas a certeza é zero. O tema que mais me compliquei foi em 2012 quando caiu fluxo migratório, e eu não tinha ideia de que fosse cair esse tema e acabei ficando sem ideia de como desenvolver uma redação com base nisso", lembra o professor.

Pelo fato de não competir por vagas para um novo curso de ensino superior, Alencar diz manter uma rotina de estudos diários em casa com base na área em que pratica, de linguagem e interpretação. "Leio livros, interpreto textos e fico sempre de olho no dicionário, pena que não dá para levar ele na hora da prova", brincou.
Enem 2016

As provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) serão aplicadas nos dias 5 e 6 de novembro. Os portões de acesso serão abertos às 11h horário local (12h de Brasília). Após o fechamento dos portões, os participantes deverão aguardar em sala de provas até que seja autorizado o seu início, às 12h30, após procedimentos de verificação de segurança.

Para realizar as provas do Enem, é necessário apresentar um documento de identificação original com foto e o uso de caneta preta.

Imprimir