Imprimir

Imprimir Notícia

26 Ago 2014 - 09:00

Deputado estadual denuncia cobranças ilegais

 Pequenos produtores rurais e trabalhadores da agricultura familiar de cidades do interior do Estado levaram ao conhecimento do deputado Pedro Satélite, uma grave denúncia sobre cobrança indevida de depósito para quem vai até as agências do Banco do Brasil pedir empréstimos.

De acordo com a denúncia, gerentes de algumas agências, alienam a liberação do empréstimo solicitado à garantia de depósito de 10%, a juros, antes mesmo que o dinheiro seja liberado.

“O cidadão vai até o Banco do Brasil pedir empréstimo porque precisa do dinheiro, que, diga-se de passagem, é do Governo Federal, e o banco acaba dificultando o que já está difícil”, explica o deputado Pedro Satélite.

Diante desta situação, o parlamentar entrou em contato com o superintendente do Banco do Brasil em Mato Grosso, Luis Carlos Moscardi, e cobrou uma providência por parte do banco.

“O superintendente garantiu interferir nesta situação, e confirmou de antemão, que esta prática é ilegal”, diz Pedro Satélite.

Para o deputado, é preciso barrar esse tipo de ação nas agências do BB no interior do Estado, e impedir que isso continue acontecendo justamente com os trabalhadores que mais precisam acessar estes recursos do Governo Federal.

Imprimir