Imprimir

Imprimir Notícia

10 Ago 2020 - 18:00

DEM baterá martelo sobre candidatura de Garcia e composição com Leitão até sexta, diz Botelho

O Democratas definiu que até o fim desta semana irá escolher o nome do candidato que irá disputar a Prefeitura de Cuiabá e também se irá liberar parte do grupo para apoiar o candidato Nilson Leitão (PSDB) na disputa suplementar do Senado. Segundo o presidente da Assembleia Legislativa, deputado Eduardo Botelho, para Cuiabá o nome mais forte do grupo é do presidente estadual do Democratas, ex-deputado federal Fabio Garcia. 

"Para Cuiabá deve definir o nome de Fábio Garcia para a disputa. É o mais forte do grupo. E é o que mais tem apoio político", disse Botelho, em entrevista nesta manhã de segunda-feira (10), no Poder Legislativo. 

A reunião para a definição disso deve ocorrer com todos da cúpula no Diretório de Cuiabá entre a quinta e a sexta-feira. Botelho, que até o mês de junho era cotado como candidato, desistiu da possibilidade após se pegar a Covid-19 e não querer disputar com Emanuel Pinheiro (MDB), seu amigo pessoal que é o atual prefeito e está cotado para a reeleição. 

Sobre a disputa suplementar do Senado, Botelho confirmou que existe parte do grupo Democrata que quer seguir a campanha de Nilson Leitão, que é o caso de Jayme Campos, Julio Campos e Dilmar Dal Bosco. 

"A nossa reunião nesse caso do Senado é para saber se vamos liberar para eles poderem apoiar o Nilson ou se vamos tomar outro rumo. Não podemos adiantar nada, porque seria algo não conversado", disse o presidente. 

Imprimir