Imprimir

Imprimir Notícia

16 Dez 2020 - 13:50

AL terá 18 dias de recesso em MT

A Mesa Diretora da Assembleia Legislativa do estado de Mato Grosso (ALMT) divulgou Resolução Administrativa nº 72/2020 que dispõe sobre o recesso das atividades administrativas da Casa no período de 21 de dezembro de 2020 a 8 de janeiro de 2021.

Segundo informações da Mesa Diretora, a alteração está baseada nos dados da Secretaria Estadual de Saúde de Mato Grosso de 19 de novembro de 2020, após oito meses de pandemia, a média móvel de casos de Covid-19 por dia voltou a crescer no estado registrando-se um aumento de 30% em relação à semana anterior e a média de mortes teve um aumento de 118% em relação às duas últimas semanas e a taxa de ocupação em leitos de UTI na data de 09 de dezembro de 2020 encontra-se em 37,22%.

PUBLICIDADE

Outro fator que a Mesa Diretora alega é que o Qualivida recebeu nas últimas semanas um aumento expressivo na demanda por atendimento de servidores e seus dependentes que se encontram com sintomas sugestivos de Covid e que os casos confirmados laboratorialmente têm aumentado consideravelmente, principalmente após o período eleitoral onde houve maior concentração de pessoas.

Por considerar o período de festas natalinas e de Ano Novo e que nessas datas comemorativas as pessoas se reúnem com seus familiares, amigos, havendo maior fluxo de pessoas circulando no comércio, a Mesa Diretora optou por evitar o risco de transmissão da Covid-19.


“Considerando que até a presente data ainda não dispomos de vacinas contra a Covid-19 e que os sintomas após infecção podem se manifestar entre 2 a 14 dias e que muitos pacientes permanecem assintomáticos, fica estabelecido o recesso das atividades administrativas de 21 de dezembro de 2020 até 8 de janeiro de 2021”, informa a justificativa da Mesa Diretora.

Ainda sobre a Resolução consta que no período de 4 a 8 de janeiro de 2021, os servidores essenciais para realização das sessões plenárias deverão retornar ao exercício de suas atividades, podendo ser adotada escala de jornada que propicie o regular andamento dos trabalhos. Os titulares dos setores da ALMT designarão servidores responsáveis pela manutenção do regular funcionamento das sessões plenárias, devendo encaminhar relação nominal à Presidência da Casa.

Também o acesso às dependências do Parlamento ficará restrito aos servidores constantes, sendo que as demais situações deverão ser autorizadas pela Coordenadoria Militar.

Imprimir